Erdogan cancela viagem ao Iraque para assistir a funeral de policiais

Ancara, 9 jul (EFE).- O primeiro-ministro turco, Recep Tayyip Erdogan, cancelou hoje uma viagem oficial ao Iraque prevista para amanhã a fim de assistir ao funeral dos três policiais que morreram hoje em um tiroteio perto do Consulado dos Estados Unidos em Istambul.

EFE |

A visita agora cancelada teria sido a primeira de um chefe do Governo turco ao país vizinho desde que o Iraque foi invadido pelos Estados Unidos, em 2003, e deveria servir para resolver problemas bilaterais, como o do ilegalizado Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK).

Guerrilheiros deste movimento atuam há muito tempo a partir do norte do Iraque para se infiltrar no sudeste da Turquia e atacar as Forças Armadas turcas.

Três policiais e outros três atacantes morreram hoje em um confronto armado perto da representação consular americano em Istambul.

As autoridades suspeitam de autores próximos a círculos islâmicos, incluindo a rede terrorista Al Qaeda. EFE dt/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG