Equipes retiram quatro ou cinco corpos do avião acidentado em Amsterdã

Quatro ou cinco corpos sem vida foram retirados do avião comercial da companhia aérea nacional turca Turkish Airlines que caiu nesta quarta-feira no aeroporto de Amsterdã Shiphol, informou o canal de TV holandês NOS.

AFP |

Antes, o ministro turco de Transportes, Binali Yildirim, informou não haver vítimas fatais no acidente.

Um diretor da companhia aérea afirmara um pouco antes que o acidente havia causado um morto e 20 feridos.

Porém, Temel Kotil, diretor gerente da THY, afirmou em entrevista coletiva em Istambul, onde fica a sede da companhia, que todos os passageiros e a tripulação sobreviveram ao acidente.

Segundo a imprensa turca e holandesa, a bordo do Boeing 737-800 viajavam 135 passageiros e oito tripulantes.

Yildirim disse que 80 passageiros foram evacuados da aeronave e mencionou feridos, mas sem precisar um número.

O ministro afirmou ainda que o avião, que entrou em operação em 2002, foi submetido a testes técnicos em 22 de dezembro de 2008.

BA/fp/cn

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG