Equipes resgatam corpo de último militar brasileiro desaparecido no Haiti

Brasília, 20 jan (EFE).- As equipes de socorro que operam no Haiti recuperaram o cadáver do último militar brasileiros que estava desaparecido desde o terremoto do dia 12, informaram hoje fontes oficiais.

EFE |

Com o resgate do corpo do major Márcio Guimarães Martins, que integrava a força de paz da Missão de Estabilização da ONU no Haiti (Minustah), o número de cidadãos brasileiros que morreram por causado terremoto sobe para 20, confirmou o Comando do Exército.

As autoridades ratificaram que hoje chegarão ao país os corpos de outros 17 militares que morreram no desastre. Também perderam a vida no terremoto o diplomata Luiz Carlos da Costa, que era adjunto da direção da Minustah, e a médica Zilda Arns, fundadora da Pastoral da Criança.

Outros 16 militares brasileiros foram resgatados com vida dos escombros e levados a um hospital de São Paulo, onde permanecem internados e fora de perigo, segundo fontes médicas.

No momento em que ocorreu o terremoto, havia no Haiti 1,266 mil soldados brasileiros, já que o Brasil está há cinco anos no comando militar das tropas da Minustah. EFE ed/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG