Equipes de resgate encontram destroços de avião etíope no litoral libanês

Várias partes do avião etíope que caiu em 25 de janeiro deste ano no litoral libanês com 90 pessoas a bordo foram encontradas neste sábado pelas equipes de resgate.

EFE |

As fontes explicaram que a descoberta foi próxima ao litoral da cidade de Naame, cerca de 18 quilômetros ao sul de Beirute, e que agora estão se fotografando os destroços encontrados para poder retirá-los.

As fontes ressaltaram que, por enquanto, não se sabe se em alguma das partes do avião encontradas estão as caixas-pretas.


Equipes de resgate seguem em busca da caixa-preta do avião / AP

Dois dias depois do acidente, fontes militares anunciaram que um navio americano, que ajudava nos trabalhos de busca, tinha localizado as caixas-pretas do avião no fundo do mar a cerca de 1,3 mil metros de profundidade.

Em seguida, as fontes disseram que só tinham sido captadas ondas que poderiam provir das caixas-pretas.

Vários países, entre eles França e Estados Unidos, participam dos trabalhos de busca do avião, um Boeing 737-800 da Ethiopian Airlines.

Não houve nenhum sobrevivente entre as 90 pessoas que estavam a bordo, a maioria etíopes e libaneses. Até agora, só foram encontrados 16 corpos, dos quais 13 foram identificados.

A principal hipótese sobre a causa do acidente são as condições meteorológicas, pois na noite do acidente caía uma forte tempestade. As autoridades libanesas descartaram a possibilidade de um atentado terrorista.

Leia mais sobre acidente aéreo

    Leia tudo sobre: acidente aéreo

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG