QUITO (Reuters) - O Equador planeja desafiar a legalidade da dívida externa em tribunais internacionais e não agirá fora da lei, afirmou a ministra das Relações Exteriores, Maria Salvador, nesta terça-feira. Este mês, o governo equatoriano ameaçou não pagar dívidas ilegais, ou empréstimos que foram acertados com irregularidades quando contratados por administrações passadas.

(Reportagem de Alan Soto)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.