Equador destrói bases de grupos irregulares na fronteira com Colômbia

Quito, 8 jul (EFE) - O Exército do Equador localizou, durante os últimos dois meses, na província amazônica de Sucumbíos, que faz divisa com a Colômbia, um total de 12 bases militares, explosivos e armamento que supostamente pertenciam a grupos irregulares do país vizinho, informou hoje o Ministério da Defesa equatoriano.

EFE |

Através de um comunicado de imprensa, o Ministério da Defesa especifica que, durante várias operações efetuadas em junho e julho na região denominada Quebrada sin Pena foram encontradas 12 bases militares abandonadas, assim como armamento e material explosivo.

Sem explicar se as bases militares se encontravam perto ou longe umas das outras, os militares equatorianos afirmam que localizaram outras seis casas, uma delas composta de concreto armado.

Os militares expropriaram, além disso, munição calibre 7,62 e 5,56, assim como 14 recipientes explosivos em material PVC, 19 iniciadores de morteiros, 40 soros, cilindros de gás cortados, antena de DirecTV, descodificador e restos de lonas verdes.

Também encontraram fios de coser, material de alfaiataria, 1200 quilos de nitrato de amônio, corpos de granadas de mão, 50 iniciadores, 15 alimentadores e prensa deteriorada. EFE jc/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG