Equador anuncia quinta morte pela gripe

Quito, 16 jul (EFE).- O Equador confirmou hoje a quinta morte pela gripe suína no país e 304 casos, informou hoje à Agência Efe uma fonte do Ministério da Saúde.

EFE |

No entanto, não foi revelado o nome da vítima ou o local onde ela faleceu.

A ministra equatoriana da Saúde, Caroline Chang, disse hoje ao canal de televisão "Teleamazonas" que as autoridades mantêm as medidas de contenção para identificar os casos mais graves.

"O mais importante agora é identificar todos os casos e, com a circulação do vírus, começarmos a tratar os casos moderados com o antiviral", afirmou.

De acordo com a ministra, o medicamento já é usado em algumas situações menos perigosas, de pessoas que viajaram ao exterior e aquelas que vivem em áreas onde foram reportados mais casos da gripe.

Embora tenha pedido que a população mantenha a calma, a ministra considera que todos devem ficar "alertas", trabalhando para evitar que a doença se espalhe.

Apesar do nome, a gripe suína não apresenta risco de infecção por ingestão de carne de porco e derivados. EFE.

sm/dp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG