Equador acha laboratório de drogas na fronteira com Colômbia

Quito, 20 out (EFE).- O Exército do Equador descobriu e destruiu duas bases de descanso e um laboratório para processar drogas de um grupo ilegal armado na fronteira com a Colômbia, informaram hoje fontes militares.

EFE |

O coronel Guillermo Tamayo, chefe de um batalhão de infantaria motorizada, disse à Agência Efe que patrulhas militares equatorianas descobriram as bases e o laboratório na zona de Tobar Donoso, que faz fronteira com a Colômbia.

O lugar fica no limite entre as províncias andina de Carchi e a litorânea de Esmeraldas, em uma região de selva de difícil acesso.

Tamayo assinalou que na operação foram encontradas "duas bases de descanso de grupos ilegais armados e se encontraram, durante a patrulha, vários precursores químicos" escondidos em um cativeiro.

Foram encontradas também armas, granadas e detonadores.

"Tudo isso foi destruído na área e, além disso, destruímos um laboratório, no qual haviam dois compressores, um destilador", equipes de comunicação e "umas 200 revistas das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc)", acrescentou Tamayo.

A operação aconteceu durante alguns dias, em meio à execução de um programa permanente de vigilância e controle que o Exército realiza na zona fronteiriça, disse Tamayo. EFE fá/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG