Enxadristas georgianas deixam campeonato devido a conflito na Ossétia do Sul

Moscou, 28 ago (EFE).- Seis enxadristas georgianas decidiram sair do campeonato mundial de xadrez, que começa hoje na cidade russa de Nalchik, devido ao conflito envolvendo a Ossétia do Sul.

EFE |

O campeonato mundial de xadrez feminino acontece na capital da república russa de Kabardino-Balkária entre 28 de agosto e 18 de setembro e, segundo a Federação Internacional de Xadrez (Fide), 64 mulheres de 32 países deviam competir pelo título.

"A equipe georgiana se retirou do campeonato por motivos políticos", disse um porta-voz do presidente dessa república russa.

As integrantes da equipe georgiana enviaram uma carta aberta à Fide com o pedido de transferir a competição para "um lugar mais seguro", levando em conta a proximidade geográfica de Kabardino-Balkária com a zona do conflito na Geórgia. EFE egw/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG