Publicidade
Publicidade - Super banner
Mundo
enhanced by Google
 

Enviado especial da ONU reúne-se com líder dos rebeldes da RDC

Kinshasa, 16 nov (EFE).- O enviado especial da ONU para o conflito no leste da República Democrática do Congo (RDC), o ex-presidente nigeriano Olusegun Obasanjo, se reuniu hoje com o líder da rebelião armada, o ex-general Laurent Nkunda.

EFE |

Obasanjo chegou hoje à região de Kivu Norte, onde visitou os campos de deslocados, após manter encontros com alguns responsáveis locais, e aproveitou também para examinar a zona de helicóptero, a fim de ver a situação militar e humanitária, informaram fontes da Missão da ONU na RDC (Monuc).

Depois, Obasanjo foi para a localidade de Bunagana, localizada 70 quilômetros ao noroeste de Goma, para se reunir com Nkunda, líder do grupo rebelde Congresso Nacional para a Defesa do Povo (CNDP).

Enquanto isso, os combates reiniciaram hoje na região de Rutshuru entre forças leais e rebeldes em Ndeko, localidade situada a cerca de 20 quilômetros de Kanyabayonga, para onde a Monuc enviou reforços a fim de patrulhar a zona, declarou hoje seu porta-voz militar, o tenente-coronel Jean-Paul Dietrich.

Segundo a Monuc, os elementos do CNDP atacaram as posições dos soldados posicionados em uma intersecção da estrada principal Goma-Butemo, mas as forças governamentais conseguiram repelir a ofensiva.

Além disso, Nkunda disse, em entrevista divulgada no sábado à noite pela emissora de rádio "A Voz da América", sua intenção de reintegrar seus soldados no Exército Nacional, com a condição de que "todos os infiltrados" sejam expulsos da organização. EFE py-st/an

Leia tudo sobre: iG

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG