Amã, 11 jun (EFE).- O enviado dos Estados Unidos para o Oriente Médio, George Mitchell, reiterou hoje ao rei Abdullah II da Jordânia o compromisso de seu país com uma paz global na região.

Segundo um comunicado da Casa Real jordaniana, Mitchell - em viagem por vários países da zona - confirmou ao monarca o desejo dos Estados Unidos de relançar o processo de paz entre palestinos e israelenses.

"Como disse o presidente (americano, Barack Obama) no Cairo, temos o compromisso de alcançar uma paz global na região", afirmou o enviado dos EUA, que já esteve em Israel, nos territórios palestinos e no Egito.

Mitchell, que também deve visitar Líbano e Síria, referia-se ao discurso pronunciado no último dia 4 por Obama na capital egípcia, com a intenção de começar uma nova etapa nas relações entre Ocidente e o mundo árabe.

A Administração Obama expressou reiteradamente seu compromisso com a criação de um Estado palestino.

"Tanto israelenses quanto palestinos devem levar em conta os compromissos adquiridos no Mapa de Caminho e este esforço deve ser respaldado com todo aquele que quiser a paz, Estados Unidos, Europa e Estados árabes", disse Mitchell.

O monarca árabe elogiou "a atitude positiva e as importantes mensagens do discurso de Obama no Cairo, especialmente seu apoio à solução dos dois Estados e a melhora das relações entre os EUA e o mundo árabe e islâmico, baseadas no respeito e nos interesses comuns", segundo o comunicado.

Na opinião de Abdullah II, as iniciativas de Obama "criaram um ambiente positivo que requer que todo o mundo coopere para encontrar uma solução global e duradoura na região". EFE ajm/an

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.