Enormes plataformas de gelo se desprendem no Ártico canadense

Enormes plataformas de gelo, um das quais de 50 km2, se desprenderam do litoral do extremo norte canadense no mês passado estão à deriva no Oceano Ártico, anunciaram os cientistas nesta quarta-feira.

AFP |

A plataforma de gelo Markham, uma das cinco do cinco del Artico canadense, com uma superfície de 50 km2, se desprendeu no início de agosto do litoral da ilha de Ellesmere e está atualmente à deriva no Oceano Ártico.

A plataforma de gelo Serson també perdeu dois vastos fragmentos.

"Neste verão, nos últimos dois meses, perdemos uma superfície de plataforma de gelo de 214 km2" (equivalente a três vezes a superfície da ilha de Manhattan), afirmou à AFP o dr. Luke Copland, diretor do laboratório de pesquisas sobre a criosfera da Universidade de Ottawa.

Em julho passado, dois blocos se desprenderam da plataforma de gelo Ward Hunt na mesma região. Esta plataforma continuou com sua desintegração e perdeu 22 km2 adicionais. Os fragmentos à deriva se romperam em seguida e viraram "ilhas de gelo" (icebergs tabulares).

"Estas mudanças são irreversíveis no clima atual e indicam que as condições ambientais que preservavam o equilíbrio destas plataformas de gelo durante milhares de anos mudou", explciou Derek Mueller, da Universidade de Trent, província de Ontário.

ps/cn

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG