Enfermeira das Farc condenada à revelia é capturada

Bogotá, 17 mai (EFE).- O serviço de inteligência da Colômbia capturou hoje Luz Yaneth Yate, conhecida como Mayerly, uma enfermeira das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) que foi condenada à revelia a 25 anos de prisão e é procurada pela Interpol por crimes de terrorismo.

EFE |

Um comunicado do Departamento Administrativo de Segurança (DAS) indicou que a rebelde fazia parte da frente 25 das Farc e foi detida no bairro de Belén da cidade de Ibagué, no departamento de Tolima.

A guerrilheira foi condenada à revelia a 25 anos de prisão pelo crime de sequestro com extorsão, cometido em setembro de 2000 em uma paragem da represa de Prado, em Tolima.

Desde 28 de novembro de 2005, Mayerly é procurada pela Interpol pelos crimes de homicídio agravado, terrorismo, furto qualificado e agravado, sequestro com extorsão e lesões pessoais.

Yate, enfermeira da 25ª frente das Farc, foi entregue à Justiça para ser processada. EFE fer/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG