Cartum, 27 out (EFE).- Cinco dos nove chineses seqüestrados no Sudão em 18 de outubro foram assassinados, disseram hoje fontes oficiais.

O porta-voz do Ministério de Assuntos Exteriores do Sudão, Ali al-Sadeq, disse que os cadáveres foram achados nas últimas horas, na região de Kordofan, perto de Darfur.

Segundo o funcionários, dois reféns foram encontrados feridos, ao passo que outros dois continuam em poder do grupo de seqüestradores.

EFE az/sc

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.