Empresário japonês está entre os mortos nos atentados de Mumbai

Tóquio, 27 nov (EFE).- O Ministério de Exteriores do Japão confirmou hoje que um empresário japonês morreu nos atentados perpetrados na cidade indiana de Mumbai, que deixaram pelo menos 80 mortos até o momento.

EFE |

O japonês Hisashi Tsuda estava em uma viagem de negócios e se viu surpreendido pelos atentados quando se registrava no hotel Hilton, na capital financeira da Índia.

O Governo do Japão, que confirmou que os atentados deixaram outro japonês ferido, manifestou em comunicado seu pesar pelas mortes e disse que espera a pronta libertação dos reféns.

Aparentemente, os terroristas fizeram vários reféns em hotéis da cidade e a Polícia prepara uma operação para tentar detê-los.

"O Japão enfatiza que não se pode justificar nenhuma atividade terrorista, independentemente de seu objetivo", assinala o comunicado oficial. EFE icr/mh

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG