Los Angeles (EUA), 11 fev (EFE).- Roland Emmerich, diretor de 2012, anunciou hoje seus planos para adaptar para o cinema a trilogia de Fundação, um dos grandes pilares da ficção científica, obra de Isaac Asimov, usando a mesma tecnologia de Avatar, informou o portal de internet do canal MTV.

O cineasta alemão quer rodar três filmes em 3-D, com a técnica "performance capture", que digitaliza os atores, incluindo suas vozes, e os transforma em imagens geradas por computador.

"A tecnologia de 'Avatar' pode ser aplicada a 'Fundação'", disse Emmerich à "MTV". "Temos que fazer tudo por computador, pois não saberia como rodar tudo isso na realidade", acrescentou.

O diretor alemão pretende, assim, dar um passo à frente em sua carreira profissional. "Agora, provavelmente, todos os grandes filmes terão que ser em 3-D, não só por seu efeito, como demonstrou 'Avatar', mas para que os profissionais possam pedir mais dinheiro para a produção, aí está a chave", afirmou.

Emmerich participou da produção de "Avatar", dirigido por James Cameron, e acredita que essa forma de rodar "é o caminho definitivo para o cinema".

"Fundação" (de 1951) é o primeiro livro da trilogia original escrita por Asimov, composta por cinco relatos curtos que narram a decadência de um império galático. EFE mg/fm

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.