Emboscada rebelde mata 2 soldados no sul da Tailândia

Bangcoc, 20 fev (EFE).- Dois soldados tailandeses morreram hoje em uma emboscada feita por um grupo rebelde separatista na conflituosa região muçulmana do sul da Tailândia, informaram fontes policiais.

EFE |

O ataque ocorreu na província de Yala, 1.100 quilômetros ao sul de Bangcoc e limítrofe com a Malásia, quando uma patrulha formada por dez soldados fazia uma missão de escolta em cinco motos a um comboio de veículos em que viajavam professores do ensino público.

Fontes da delegacia provincial de Polícia atribuíram o ataque aos insurgentes do movimento separatista islâmico.

Ataques com armas leves, assassinatos e atentados à bomba acontecem quase diariamente nas três províncias de maioria muçulmana, apesar do desdobramento de 31 mil agentes das forças de segurança e da declaração de estado de exceção na região. EFE grc/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG