Emboscada guerrilheira mata 7 na Índia

Nova Délhi - Pelo menos sete pessoas, entre eles cinco soldados, morreram em uma emboscada colocada por um grupo guerrilheiro no nordeste da Índia, informaram hoje fontes policiais.

EFE |

O ataque, que ocorreu hoje nas cercanias da localidade de Doyangmukh, no conflituoso estado nordeste de Assam, foi reivindicado por um porta-voz do grupo Dima Haolam Daoga, em um telefonema a jornalistas locais.

Esse grupo luta para obter uma pátria independente para a tribo dimasa, que vive no sul da região de Assam.

Segundo a fonte policial, que pediu para não ser identificada e citada pela agência indiana "Ians", "os agressores, que atacaram de surpresa um comboio de caminhões com cimento, dispararam com armas automáticas a partir de uma colina. Um veículo de segurança que escoltava o comboio sofreu o pior do ataque, com cinco militares e dois civis mortos".

Os insurgentes levaram quatro fuzis, precisou a fonte, acrescentando que já começou uma operação de busca na zona para localizá-los.

    Leia tudo sobre: índia

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG