Embaixador haitiano cifra em 150 mil os mortos em terremoto

Paris, 25 jan (EFE).- O embaixador haitiano na França, Gaspard Feitzner, cifrou em 150 mil e 200 mil, respectivamente, os mortos e feridos no terremoto que devastou seu país no último dia 12.

EFE |

Embora tenha dito que "é difícil fazer balanços definitivos", o diplomata ressaltou que os números impressionam e que, agora, o Haiti enfrenta um duplo desafio: o humanitário e o da reconstrução.

As declarações de Feitzner foram feitas no II Fórum Econômico Internacional-América Latina e Caribe 2010, que começou hoje, em Paris, com um minuto de silêncio pelas vítimas do terremoto no Haiti.

Durante o encontro, o embaixador tomou a palavra para pedir à comunidade internacional que a mobilização e a solidariedade decorrentes da tragédia se mantenham após esta "fase de urgência".

O Governo e o povo haitiano, acrescentou, agradecem essa solidariedade e esperam que ela ajude a "transformar a dor em esperança". EFE pi/sc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG