Embaixada dos EUA no Iêmen reabrirá quando for possível, diz Hillary

Os Estados Unidos reabrirão sua embaixada no Iêmen quando as condições de segurança o permitirem, afirmou nesta segunda-feira a secretária de Estado americana, Hillary Clinton.

AFP |

"Reavaliamos constantemente nossas condições de segurança, e tomaremos uma decisão sobre a reabertura da embaixada quando as condições o permitirem", declarou Hillary à imprensa.

A embaixada dos Estados Unidos no Iêmen fechou suas portas domingo devido a ameaças de atentados da Al-Qaeda contra os interesses americanos neste país da península arábica. As autoridades britânicas fizeram o mesmo pouco tempo depois, seguidas pelas autoridades francesas.

A secretária de Estado ainda denunciou a "dura repressão" das recentes manifestações no Irã, e disse que Washington "iniciou as discussões" com seus aliados para estudar novas "pressões e sanções" contra a República Islâmica por causa de seu programa nuclear.

cs/yw

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG