Em vídeo póstumo, líder do Hamas acusa Israel de tentar matá-lo

Cairo, 6 fev (EFE).- O canal de TV Al Jazira transmitiu hoje uma entrevista com o dirigente do Hamas Mahmoud al-Mabhuh, gravada antes de sua morte, na qual ele assegura que Israel tentou várias vezes assassiná-lo.

EFE |

"A vida está nas mãos de Deus", disse Mabhuh, cujo rosto aparece coberto por um capuz. Segundo a emissora do Catar, a entrevista, exibida sem data e sem informações sobre local, foi a última concedida por ele antes de morrer.

No vídeo, Mabhuh conta que uma dessas tentativas de assassinato aconteceu no Líbano, em 1991, mas não deu mais detalhes.

"Os assassinos e criminosos são os judeus que matam crianças e cometeram massacres na Faixa de Gaza", apontou o dirigente do Hamas.

Mabhuh foi um dos fundadores do braço armado do Hamas, as Brigadas de Ezedin Qassam. Ele foi achado morto em 20 de janeiro em um hotel de Dubai, aparentemente vítima de um ataque cardíaco provocado pela injeção de algum tipo de droga. EFE aj/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG