Em Paris, Lagerfeld mostra que seu outono-inverno terá muito preto

Paris, 8 mar (EFE).- O preto será a cor do outono-inverno 2009-2010, porque é a mais chique, a mais moderna e a mais atual, afirmou à Agência Efe o estilista alemão Karl Lagerfeld, pouco depois de apresentar sua coleção nos jardins das Tullerías, na semana de moda de Paris.

EFE |

O preto, junto com tons tão escuros que era difícil diferenciar em um rápido desfile, invadiu a passarela de Lagerfeld. "É a cor de que mais gosto no mundo", explicou o alemão, que também é fotógrafo, editor e promotor musical.

"É triste dizer isso, mas o preto é realmente a cor mais chique, mais moderna e mais atual", afirmou o estilista, cuja coleção pessoal, apresentada dois dias antes de mostrar suas ideias para a Chanel, foi pensada para uma mulher urbana e "forte".

Para o inverno, ele criou casacos luxuosos, forrados com pele ou enfeitados com pedras e joias, além de com um espaço para o iPod e o iPhone.

Ele combinou esses casacos com cachecóis, xales, coletes, minicapas e pequenas bolsas com as mesmas texturas, peles mais ou menos selvagens, brancas, cinzentas, pretas ou marrons, ou com luxuosas aplicações de pedras e joias.

O casaco será usado com vestidos justos, pretos - obviamente-, drapeados ou sustentados por um falso cinto de fivela retangular, feito com o mesmo tecido e colocado à altura do quadril.

Os tailleurs, com saia reta, pretos, mas com leve toque prateado, realçarão os ombros com um certo toque militar.

Para arrematar o visual, Lagerfeld aposta em saltos altos, combinados com calças de cetim muito justas, quase leggings, com uma fina linha vermelha na frente, e abertos nos tornozelos. EFE lg/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG