Publicidade
Publicidade - Super banner
Mundo
enhanced by Google
 

Em crise, Roma recebe embalado Chelsea de Felipão pela Liga dos Campeões

Redação Central, 3 nov (EFE).- Atravessando grave crise, a Roma recebe o Chelsea nesta terça, às 17h45 de Brasília, no Estádio Olímpico da capital italiana, pela quarta rodada do grupo A da Liga dos Campeões, enquanto o time treinado por Luiz Felipe Scolari quer dar um grande passo rumo à classificação para as oitavas-de-final do torneio.

EFE |

Na partida de ida entre as duas equipes, no estádio Stamford Bridge, o Chelsea venceu por 1 a 0, com um gol do zagueiro John Terry.

Os atuais vice-campeões italianos têm uma grande lista de problemas. Depois de retornar aos gramados após longo período de ausência devido a uma lesão no joelho direito, o atacante Francesco Totti voltou a se contundir e é desfalque.

Além disso, a equipe vem de cinco derrotas seguidas e ocupa a 17ª posição no Italiano, a primeira fora da zona de rebaixamento, embora tenha um jogo a menos.

A derrota para a Juventus na última rodada foi a gota d'água para a torcida, que arremessou ovos, moedas e outros objetos contra o ônibus da equipe. Além disso, invadiu o treino para protestar e insultar os jogadores.

Em todo caso, os brasileiros Doni, Cicinho, Juan, Taddei e Júlio Baptista estão confirmados na equipe do técnico Luciano Spalletti.

No Chelsea, os desfalques são o zagueiro português Ricardo Carvalho, lesionado há duas semanas em uma partida pelo Inglês, e o lateral-esquerdo Ashley Cole, que sofreu lesão muscular que o deixará de fora da equipe por entre sete e dez dias.

Apesar de já contar com a volta do atacante marfinense Didier Drogba, recuperado de lesão em um dos joelhos, Felipão vai manter o francês Nicolas Anelka entre os titulares.

Com sete pontos em três jogos no grupo A, o Chelsea briga para dar um grande passo para a classificação para as oitavas-de-final da Liga dos Campeões.

A equipe londrina vem embalada após retomar a liderança do Inglês com uma goleada de 5 a 0 sobre o Sunderland, contando ainda com uma derrota do então primeiro colocado Liverpool para o Tottenham por 2 a 1.

- Prováveis escalações:.

Roma: Doni; Cicinho, Juan, Mexes e Riise; De Rossi, Pizarro, Taddei e Perrotta; Vucinic e Júlio Baptista. Técnico: Luciano Spalletti.

Chelsea: Cech; Bosingwa, Terry, Alex e Bridge; Mikel, Lampard, Deco e Malouda; Anelka e Kalou. Técnico: Luiz Felipe Scolari.

Árbitro: Luis Medina Cantalejo (ESP), auxiliado por seus compatriotas Jesús Calvo Guadamuro e Luis Alberto Gutierrez Perez.

EFE ev/plc

Leia tudo sobre: iG

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG