Em alerta por gripe, México é abalado por tremor de quase 6 graus

México, 27 abr (EFE).- Um tremor de 5,7 graus de magnitude na escala Richter sacudiu hoje a capital do México e gerou pânico entre a população, em meio ao alerta devido a um surto de gripe suína que provavelmente causou 149 mortes no país.

EFE |

O tremor acontece no momento em que o ministro da Saúde, José Ángel Córdova, dava uma coletiva de imprensa para explicar a última parte da situação sanitária, e obrigou a suspensão das operações durante alguns minutos no aeroporto internacional da capital.

Uma fonte do Serviço Sismológico Nacional informou à Agência Efe a magnitude do tremor e esclareceu que o abalo teve seu epicentro no litoral do estado de Guerrero, no sul do país.

Fontes de Defesa Civil da Cidade do México consultadas pela Efe disseram que até o momento "não se tem informações sobre danos pessoais nem materiais" na capital.

No entanto, muitas pessoas saíram dos prédios em que estavam assustadas pelo tremor.

Devido ao sismo, às 11h48 (13h48, Brasília) foram interrompidas as atividades no Aeroporto Internacional da Cidade do México, "para verificar se as pistas estavam em bom estado", como disseram à Efe fontes aeroportuárias.

Pouco mais de 13 minutos após foram reatadas as operações, depois que foram afetados com atrasos 14 voos, dos quais três foram desviados a aeroportos alternativos.

O sismo, algo relativamente frequente no país, se produz no momento em que a sociedade mexicana, sobretudo na capital e em seus arredores, segue preocupada com o alerta decretado pelas autoridades devido à propagação da gripe suína.

O vírus pode ter deixado até agora 149 mortos, segundo estimativas oficiais, enquanto 1.995 pessoas foram hospitalizadas com problemas de pneumonia grave no país, das quais 776 permanecem internadas. EFE rac/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG