Elizabeth 2ª renova compromisso com Reino Unido no Jubileu de Diamantes

Para marcar seus 60 anos no trono britânico, rainha de 85 anos discursou perante as Câmaras do Parlamento

EFE |

A rainha Elizabeth 2ª renovou seu compromisso de serviço com o Reino Unido nesta terça-feira ao se dirigir às Câmaras do Parlamento britânico, onde recebeu uma homenagem pelos seus 60 anos de trono , conhecido como Jubileu de Diamantes .

Celebração: Elizabeth 2ª inicia viagem de 4 meses para marcar Jubileu de Diamante

AP
Rainha Elizabeth 2ª (D) acena após discursar perto da líder da Câmara do Lordes, Baronesa D'Souza (à frente E) e o líder da Câmara dos Comuns (à frente, C),John Bercow
Comemoração: Exposição de brilhantes marcará Jubileu de diamantes da Rainha Elizabeth 2ª

A rainha manifestou seu compromisso com os britânicos diante de deputados e lordes, todos reunidos em uma solene e emotiva cerimônia na Westminster Hall, o edifício mais antigo do palácio que abriga as duas Câmaras do Parlamento, a dos Comuns e a dos Lordes.

Aos 85 anos, Elizabeth 2ª fez questão de destacar a "resistência" e a "tolerância" que identificam o Reino Unido e ressaltou o importante vínculo entre o Parlamento e a Monarquia. "Estar aqui nos lembra nosso passado, a continuidade de nossa história nacional e as virtudes de resistência, engenho e tolerância que as criaram", ressaltou a rainha.

Reconhecida pelo seu senso de humor, a rainha brincou com os convidados ao recordar que em suas seis décadas no trono britânico nomeou 12 primeiros-ministros e assinou mais de 3,5 mil leis.

"Foi um privilégio ter sido testemunha de uma parte dessa história e, com o apoio da minha família, volto a dedicar meu serviço ao nosso grande país e seu povo agora e nos próximos anos", disse Elizabeth 2ª, que recebeu o aplauso de deputados, lordes, figuras eclesiásticas e convidados especiais.

Além das declarações da rainha, a cerimônia contou com discursos dos presidentes das duas Câmaras - a baronesa Frances D'Souza (Lordes) e John Bercow (Comuns) - e foi encerrada com a apresentação do vitral, com o escudo de armas de Elizabeth 2ª, que foi encarregado pelos parlamentares como presente à soberana pelos 60 anos de trono.

A cerimônia no Westminster Hall também contou com a presença do primeiro-ministro do Reino Unido, David Cameron; do arcebispo de Canterbury, Rowan Williams, e dos ex-chefes de governo do Partido Trabalhista, Tony Blair e Gordon Brown.

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG