Eleições no Gabão registram grande participação eleitoral

Dacar, 30 ago (EFE).- Uma grande participação de eleitores e muitas falhas de organização caracterizaram as eleições para presidente realizadas hoje no Gabão, nas quais 17 candidatos concorriam à vaga deixada por Omar Bongo, morto em junho em uma clínica privada de Barcelona devido a um câncer.

EFE |

Os eleitores formaram desde cedo longas filas em frente aos colégios eleitorais distribuídos em Libreville, a capital, e no interior do país para receber os 813 mil eleitores convocados, segundo emissoras de rádio regionais.

Além do alto índice de participação eleitoral, a nota dominante foi o atraso na chegada dos encarregados dos colégios eleitorais e a falta de cédulas em vários deles, o que causou, em alguns casos, demoras de até duas horas no início da votação.

A alta participação eleitoral foi questionada pela oposição, que dúvidas sobre a confiabilidade do censo eleitoral, destacando que é muito elevado o número de 813 mil eleitores em um país que tem só cerca de 1,5 milhão de habitantes.

Cerca de 300 observadores nacionais e internacionais observaram as eleições em 2.800 colégios distribuídos em todo o país e que foram colocados sob a vigilância de milhares de soldados das forças de segurança. EFE st/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG