O ministro israelense da Defesa, Ehud Barak, viajará na próxima semana a Washington para conversar com seu par americano, Robert Gates, sobre o acordo bilateral de combate ao contrabando de armas entre Egito e Gaza, informou um alto funcionário de Israel.

Será a primeira viagem de um membro do governo israelense aos EUA desde a posse do novo presidente americano, Barack Obama.

Barak, que viaja na terça-feira, se encontrará com Gates - que já fazia parte da administração de George W. Bush - para "discutir a execução de um protocolo de acordo" assinado no dia 16 de janeiro entre os dois países, indicou à AFP um alto funcionário do ministério da Defesa israelense, que pediu o anonimato.

O acordo tem como objetivo impedir o contrabando de armamentos do Egito para a Faixa de Gaza, controlada pelo movimento islâmico Hamas.

O Egito declarou que não se sente comprometido pelo pacto americano-israelense.

Barak e Gates também devem conversar sobre a venda de armas americanas para Israel.

rb/ap

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.