Publicidade
Publicidade - Super banner
Mundo
enhanced by Google
 

Egito e Israel estudam renovar trégua entre israelenses e palestinos

CAIRO - O presidente egípcio, Hosni Mubarak, e a ministra de Assuntos Exteriores israelense, Tzipi Livni, se reuniram nesta quinta-feira (25) no Cairo para estudar a possibilidade de renovar a trégua entre Israel e os grupos palestinos na Faixa de Gaza, e evitar, assim, uma explosão da violência entre israelenses e palestinos.

EFE |

 

Fontes oficiais disseram que participaram da reunião o ministro de Exteriores egípcio, Ahmad Aboul Gheit, e, durante a mesma, foi discutido como levantar o embargo que Israel mantém sobre Gaza, segundo a agência de notícias egípcia "Mena".

AP
Trégua: Egito e Israel esboçam acordo de paz


Além disso, a reunião teve como objetivo "deter as agressões israelenses contra os palestinos a fim de preparar a atmosfera para conversas de paz que desemboquem na criação de um Estado palestino", acrescentou a "Mena".

Livni também se reuniu com o chefe da Inteligência egípcia, Omar Suleiman, encarregado de fazer a mediação nas conversas de paz entre as distintas facções palestinas.

A chanceler israelense chegou nesta manhã ao Cairo convidada pelo líder egípcio com o objetivo de analisar a tensa situação vivida em Gaza depois que, em 19 de dezembro, o grupo islâmico Hamas, que controla a faixa, rejeitou renovar a trégua com Israel.

A visita de Livni acontece um dia depois que milicianos de distintas facções em Gaza, incluindo o braço armado do Hamas, lançaram cerca de 100 foguetes e bombas contra solo israelense, que não deixaram feridos, mas causaram preocupação entre a população.

Leia tudo sobre: egitoisrael

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG