Istambul, 11 fev (EFE).- O presidente do Egito, Hosni Mubarak, voltou hoje a apoiar o presidente palestino, Mahmoud Abbas, e destacou que a Organização para a Libertação da Palestina (OLP) é a única representante do povo palestino.

Após uma reunião em Istambul com o presidente da Turquia, Abdullah Gül, o líder egípcio destacou que se os diferentes grupos palestinos não estivessem divididos, a recente grande ofensiva israelense em Gaza "não teria acontecido".

Ao mesmo tempo, Mubarak insistiu na "posição histórica da OLP como única representante do povo palestino", ao contrário do movimento islamita Hamas, que controla a Faixa de Gaza desde junho de 2007.

O Egito tenta há dias mediar um cessar-fogo durável entre o Hamas e Israel, e uma reconciliação entre os grupos palestinos divididos.

Mubarak destacou a importância de reconstruir a Faixa de Gaza e acrescentou que seu país planeja organizar uma reunião internacional sobre esse assunto.

Nesse sentido, pediu que a comunidade internacional não impulsione apenas a reconstrução de Gaza, mas também a paz na região e o estabelecimento de um Estado palestino. EFE dt/mh

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.