Ecoterrorista é condenado a 20 anos de prisão nos EUA

O americano Eric McDavid, de 29 anos, considerado um ecoterrorista pelo governo dos EUA, foi condenado nesta quinta-feira a cerca de 20 anos de prisão por planejar atos de vandalismo contra instalações do governo e da propriedade privada na Califórnia (oeste), anunciou um procurador federal.

AFP |

McDavid foi considerado culpado em 6 de março por um júri em Sacramento do crime de "formação de quadrilha para destruir, ou danificar, bens imóveis, mediante incêndio, ou explosivos".

Seus dois cúmplices, que se declararam culpados em 2006, serão condenados em 15 de maio e 7 de agosto, respectivamente.

"A condenação severa de hoje, de cerca de 20 anos em uma prisão federal, deve servir de advertência para aqueles que desejarem cometer atos que ameacem a vida humana em nome de suas opiniões extremistas", afirmou o procurador federal de Sacramento, McGregor Scott.

McDavid e seus cúmplices estabeleceram uma série de alvos, entre eles, um centro de pesquisa genética do serviço americano de bosques, uma represa, antenas de telefonia móvel e centrais elétricas, completou o procurador.

tq/tt

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG