Economistas e acadêmicos de 52 países pedem a Obama o fim do bloqueio a Cuba

Cerca de 1.500 economistas e acadêmicos de 52 países pediram ao presidente Barack Obama que ponha fim ao bloqueio que os Estados Unidos aplicam contra Cuba desde 1962, no encerramento de um foro sobre acrise econômica realizado este sábado em Havana.

AFP |

Os participantes do XI Encontro Internacional sobre Globalização e Problemas do Desenvolvimento pediram em carta dirigida a Obama que, na agenda com que "pretende renovar a política de Washington haja espaço para o clamor de toda a humanidade para que de uma vez por todas cesse o absurdo bloqueio a Cuba".

No foro participaram nomes como os Prêmios Nobel de Economia americanos Edmund Phelps (2006), Robert Engle (2003) e Robert Mundell (1999).

rd/cn

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG