Economia deve dominar 1º discurso de Estado União de Obama

O presidente Barack Obama fará na noite desta quarta-feira seu primeiro discurso do Estado da União, em um momento em que os Estados Unidos enfrentam uma taxa de desemprego de 10% e um déficit no orçamento estimado em US$ 1,35 trilhão. Segundo um porta-voz da Casa Branca, Robert Gibbs, Obama deverá falar sobre a frustração dos americanos e sobre seus projetos para colocar a economia do país nos eixos.

BBC Brasil |

Gibbs disse que apesar de 2009 ter sido um dos anos "mais desafiadores da história" americana, o presidente está "mais confiante do que nunca" no futuro do país.

O discurso do Estado da União, feito em uma sessão conjunta do Congresso, é o momento em que, tradicionalmente, o presidente americano fala sobre as conquistas do ano que passou e sobre suas propostas para o ano que se inicia.

Novo foco
Ao longo dos últimos dias, Obama já antecipou algumas propostas para a economia americana. O presidente anunciou medidas de apoio à classe média e propostas para reduzir os riscos assumidos pelos bancos.

Nesta quarta, Obama deverá dar detalhes sobre um plano de congelar parcialmente os gastos do governo nos próximos três anos para reduzir o déficit no orçamento.

Em um ano de eleições no país, em que parte do Congresso será renovada, analistas afirmam que Obama deverá aproveitar o discurso para dar um novo foco ao seu governo e ao seu partido.

Na semana passada, os democratas sofreram uma derrota histórica ao perderem uma vaga no Senado em uma eleição especial em Massachusetts.

O resultado, que pode complicar o projeto de Obama de aprovar a reforma da saúde, prioridade em seu governo, é visto por analistas como uma demonstração da perda de apoio popular do presidente.

Em seu discurso nesta quarta-feira, Obama deverá falar ainda sobre assuntos ligados à política externa americana, como as guerras no Afeganistão e no Iraque.

Imigração, reforma na educação, aquecimento global e comércio exterior também deverão entrar na agenda do presidente.

Uma pesquisa encomendada pela BBC revelou que 51% dos americanos esperam que Obama concentre seu discurso em questões econômicas. Outros 42% esperam que o foco do presidente seja o desemprego.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG