Eclipse solar é visto no hemisfério norte

Moradores do hemisfério norte conseguiram ver, na manhã desta sexta-feira, um eclipse solar, fenômeno raro da astronomia.

Redação com agências internacionais |

Ela foi visto do nordeste do Canadá (6h21 de Brasília), passando por Groenlândia, Rússia, Mongólia, e terminou no pôr do sol no norte da China, perto da cidade de Xian, na província de Shaanxi (8h21 em Brasília).


Eclipse solar é visto sobre o Forte de Jiayuguan, na Grande Muralha da China / Reuters

"Mau agouro"

Astrólogos chineses estão tranqüilizando as pessoas de que o eclipse total do sol, visível por todo o norte da China nesta sexta-feira, não trará mau agouro para as Olimpíadas , que serão abertas em Pequim na semana que vem. Tradicionalmente os chineses acreditam que eclipses solares são um mau sinal.

A antiga mitologia chinesa diz que elas são causadas por um cão ou um dragão celestial devorando o sol, e as pessoas batem em panelas e tambores para tentar afugentar os supostos animais.

O eclipse solar total é um acontecimento único em que a interposição da Lua entre o Sol e a Terra faz com que a estrela apareça como um anel de luz com o centro escurecido, produto da sombra do globo terrestre.


Eclipse solar foi visto no hemisfério norte / Reuters

Leia mais sobre eclipse

Com AP e BBC

    Leia tudo sobre: eclipse

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG