Eclipse cobre a Rússia e população assiste em êxtase

NOVOSIBIRSK, Rússia (Reuters) - Uma enorme sombra tomou conta da Rússia nesta sexta-feira, levando milhares de russos e turistas à Sibéria para assistir ao eclipse total do sol, um fenômeno raro. O eclipse -- quando a lua passe entre o sol e a Terra -- começou no Canadá, passou pela Groenlândia e chegou à Sibéria pouco depois das 7h (horário de Brasília). O fenômeno deve terminar na China, onde a população acredita que a escuridão traz mau agouro para os Jogos Olímpicos, que começam na semana que vem.

Reuters |

Na cidade russa de Novosibirsk, que ficou exatamente abaixo do eclipse, milhares de pessoas, algumas do Canadá e dos Estados Unidos, comemoraram com enorme entusiasmo quando o dia virou noite.

Em Moscou, que viu o fenômeno parcialmente, as pessoas passaram frio para tentar acompanhar o eclipse.

Na China, os turistas esperam pelo fenômeno em Jianyuguan, na província de Gansyu, e nos desertos de Xinjiang.

Já na Índia, o eclipse vai ser só parcial e ocorrerá apenas em algumas partes do país. Mas sua visibilidade pode ser comprometida pelo tempo nublado e pela cerração.

O eclipse é total também no norte e leste da América do Norte, e no norte da Europa e da Ásia, exceto no Japão.

(Reportagem de Andrei Bespalov)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG