eBay vende parte majoritária do Skype por US$ 1,9 bilhão

O gigante americano de vendas on-line eBay está se separando de sua filial de telefonia na internet Skype, encerrando uma união de quatro anos com a operadora que permite aos internautas se falarem e se verem gratuitamente à distância.

AFP |

O eBay, que havia anunciado em abril seu desejo de se desfazer do pioneiro em telefonia pela internet para se centralizar em suas duas outras atividades, o comércio on-line e os serviços de pagamento na web, revelou nesta terça-feira um acordo de venda de 65% do Skype por 1,9 bilhão de dólares.

"O Skype é uma atividade forte isoladamente e não apresenta sinergias com nossas atividades de comércio on-line e serviços de pagamento on-line", disse o presidente do eBay, John Donahoe.

O Skype foi vendido a um consórcio liderado pelo fundo americano Silver Lake, que prometeu uma aceleração do crescimento do Skype graças à profunda experiência em tecnologias e desenvolvimento da atividade de seus novos investidores.

O Skype registrou alta de 44% em seu faturamento ano passado, a 551 milhões de dólares, lembrou a casa matriz. Ele tinha 405 milhões de usuários até o fim de 2008, em alta de 47% em um ano, e atrai a cada semana centenas de milhares de novos usuários", segundo o eBay.

O Skype deve chegar a seu primeiro bilhão de dólares de faturamento em 2011.

O eBay deve manter os 35% restantes de sua filial e receberá 125 milhões de dólares extras no fechamento da operação, esperado para o quarto trimestre deste ano.

No total, a operação valoriza o Skype em 2,75 bilhões de dólares, destacou o eBay, que comemorou um "acordo formidável que vai desbloquear imediatamente e a longo prazo valor tanto para o eBay como para o Skype".

A venda pura e simples do Skype não era a primeira opção desejada pelo gigante do comércio on-line, que visava um lançamento na Bolsa para 2010.

O eBay comrpou o Skype em setembro de 2005 por 2,6 bilhões de dólares, uma quantia em seguida inchada para 3,1 bilhões via prêmios aos fundadores do Skype.

"Como grupo autônomo, o Skype terá capacidade de concorrer no mercado de telefonia on-line e comunicações com vídeo e para amplificar seu impulso", acrescentou o presidente da eBay.

aa/lm

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG