Doze facções palestinas aceitam iniciativa egípcia para trégua com Israel

Cairo, 30 abr (EFE).- Doze facções palestinas aceitaram no Cairo uma iniciativa proposta pelo Egito para alcançar uma trégua com Israel, informou hoje a agência de notícias oficial Mena, que cita fontes informadas.

EFE |

O chefe dos serviços secretos egípcios, Omar Suleiman, se reúne hoje separadamente com os dirigentes de quatro dessas facções, após ter se encontrado nesta terça-feira com os líderes dos outros grupos.

Segundo as fontes, ao final dessas reuniões será emitido um comunicado final com o resultado dos encontros.

As conversas ocorrem dentro dos esforços egípcios para alcançar uma postura palestina unificada diante de uma possível trégua com Israel que, segundo a "Mena", já foi aceita pelo movimento nacionalista Fatah e pelo grupo islâmico Hamas.

Essa trégua incluiria o fim das agressões israelenses, a suspensão do bloqueio de Israel sobre a Faixa de Gaza, um diálogo interpalestino e uma troca de prisioneiros.

O Hamas, que controla a Faixa de Gaza, e o Fatah, que controla a Cisjordânia, não estão entre as facções que visitam o Cairo, para onde foram representantes da Jihad Islâmica e da Frente Popular para a Libertação da Palestina (FPLP), entre outras.

As facções condicionaram ontem a aceitação de uma trégua com Israel a que seja bilateral, inclua também a Cisjordânia e a abertura das passagens fronteiriças, entre elas a de Rafah, que liga a Faixa de Gaza ao Egito. EFE hh/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG