Doze agentes morrem em ataque da guerrilha maoísta no centro da Índia

Nova Délhi, 20 out (EFE).- Pelo menos 12 agentes morreram hoje e seis ficaram feridos em uma emboscada maoísta registrada na região central indiana de Chhattisgarh, informou uma fonte policial.

EFE |

O ataque ocorreu em uma área de floresta da localidade de Kongupelli, situada no distrito de Bijapur, quando um grupo de insurgentes abriu fogo contra uma patrulha, segundo a fonte, citada pela agência "Ians".

Os insurgentes dispararam contra um veículo da Força de Polícia da Reserva Central, um corpo paramilitar encarregado de operações contra os insurgentes.

"O ataque foi tão forte e planejado que 12 agentes morreram no local, enquanto outros seis continuam lutando pela vida", disse o chefe regional de operações, Girdhari Nayak.

No ataque, ficaram feridos outros seis agentes, que foram levados ao hospital governamental de Bijapur.

Os maoístas, conhecidos na Índia como "naxalitas", operam em cerca de 12 estados do centro e do leste da Índia, e realizam freqüentes ataques contra as forças de segurança. EFE daa/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG