Doutor Morte quer exibir cadáveres em posição de ato sexual

BERLIM - O polêmico médico alemão Gunther von Hagens recorreu aos tribunais para poder exibir um casal de cadáveres plastinados como se estivessem realizando ato sexual em uma mostra que prepara para a cidade de Augsburg.

Redação com agências internacionais |

Uma porta-voz do Tribunal Administrativo de Augsburg (Baviera) confirmou hoje que von Hagens, conhecido também como o "Doutor Morte", apresentou um recurso contra a proibição da cidade de exibir o casal na posição sexual.


Gunther von Hagens posa ao lado de uma de suas criações / Getty Images

As autoridades da cidade tinham decidido retirar os dois cadáveres fazendo o amor perante a dúvida, ainda por resolver, de se o homem tinha autorizado antes de sua morte que seu corpo seria exibido como se estivesse realizando ato sexual.

O professor Gunther von Hagens alcançou fama mundial por sua técnica desenvolvida para conservar cadáveres, batizada por ele mesmo como "Plastinação", que lhe permite conservar todos os tecidos e expor os corpos em qualquer postura. Ele é o criador da polêmica exposição " Body Worlds ", que usa cadáveres reais em suas instalações.

Leia mais sobre "Doutor Morte"

    Leia tudo sobre: alemanhabizarro

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG