desastre - Mundo - iG" /

Doris Lessing diz que ganhar o Nobel foi um desastre

A escritora Doris Lessing disse que ganhar o prêmio Nobel de Literatura no ano passado tem sido um desastre. Em uma entrevista ao programa Front Row da Radio 4 da BBC, Lessing disse que, com o interesse cada vez maior da mídia, tem sido quase impossível escrever um livro inteiro.

BBC Brasil |

"Só o que eu faço é dar entrevistas e passar o tempo todo sendo fotografada", afirmou.

Lessing, 88 anos, disse que provavelmente irá desistir de escrever romances de uma vez por todas.

O mais recente livro da escritora leva o título de Alfred and Emily, descrito em parte como uma memória de ficção.

"Parou, eu não tenho mais energia", disse Lessing se referindo ao ato de escrever.

"É por isso que eu digo aos mais jovens: não imaginem que vá durar prá sempre. Aproveitem agora, porque depois passa, vai embora que nem água no ralo", afirmou.

Lessing foi a 11ª mulher a ganhar o Nobel de Literatura em 106 anos do prêmio. Entre as suas obras mais conhecidas estão O Carnê Dourado e A Boa Terrorista.

Quando recebeu o prêmio, Lessing disse que "obrigada não parece suficiente quando você ganha o melhor de todos. É surpreendente e maravilhoso."
Na época, Lessing também se lembrou que, nos anos 60, chegou a ouvir que os juízes da Academia do Nobel não gostavam dela e que ela nunca ganharia o prêmio.

Lessing nasceu no Irã e se mudou para Rodésia do Sul - hoje Zimbábue - ainda criança, antes de passar a viver na Inglaterra a partir de 1949.

O primeiro livro dela - A Erva Canta - foi publicado no ano seguinte. No total, ela escreveu mais de 50 romances, peças de teatro, memórias e coletâneas de contos.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG