melhor emprego do mundo é picado por água-viva letal - Mundo - iG" /

Dono do melhor emprego do mundo é picado por água-viva letal

O britânico que venceu o concurso pelo chamado melhor emprego do mundo na Austrália admitiu em seu blog que correu risco de vida depois de ter sido picado por uma minúscula água-viva letal. O incidente ocorreu na última semana de Ben Southall, de 34 anos, no emprego de zelador da ilha de Hamilton, situada na Grande Barreira de Corais australiana.

BBC Brasil |

No blog que ele manteve durante seus seis meses na ilha, Southall contou que sentiu uma "pequena picada nas costas" quando estava na praia.

Mas em seguida, apresentou sintomas cada vez mais fortes de febre, dor de cabeça, dor nas costas, aperto no peito e pressão alta, o que levou seus médicos a diagnosticarem o envenenamento.

'Criaturinha'
A água-viva que picou Southall pertence à espécie Irukandji, que é praticamente invisível a olho nu mas tem um veneno pode ser letal.

"Consegui evitar levar um soco de um canguru, comido por um tubarão e ser picado por uma aranha ou uma cobra. Mas nos meus últimos dias na ilha de Hamilton, fui vítima desta criaturinha minúscula", escreveu o britânico no blog.

Ele afirmou ainda que estava vestido inadequadamente para seu mergulho.

"Isso não é brincadeira. Eu realmente deveria ter vestido todo o traje que é recomendado em todas as praias daqui nesta época do ano."
Southall se recuperou do incidente com antibióticos e repouso.

O britânico venceu 34 mil candidatos para chegar ao posto de zelador da ilha, no que foi uma grande campanha de marketing do Estado de Queensland para atrair turistas para a região.

O emprego deu direito a uma luxuosa casa de três quartos com vista para o mar, além de um salário de cerca de US$ 25 mil mensais.

Leia mais sobre: Austrália

    Leia tudo sobre: austrália

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG