Dois soldados turcos e cinco rebeldes curdos morreram nesta sexta-feira em combates no sudeste da Turquia, perto da fronteira com o Iraque.

Dois soldados turcos e cinco rebeldes curdos morreram nesta sexta-feira em combates no sudeste da Turquia, perto da fronteira com o Iraque.

O confronto aconteceu na província de Hakkari, quando um grupo de rebeldes do Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK) atacou uma pequena guarnição na área de Daglica.

Um soldado também ficou ferido no incidente.

Em outubro de 2007, Daglica foi cenário de um dos ataques mais violentos do PKK contra as forças de segurança turcas. Doze soldados morreram e 17 ficaram feridos.

O PKK, considerado uma organização terrorista pela Turquia, a União Europeia e os Estados Unidos, iniciou uma luta violenta em 1984 para obter a independência do sudeste de Anatolia, de maioria kurda. Atualmente reclama a autonomia da região.

O conflito matou 45.000 pessoas desde então.

str-nc/fp

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.