Dois soldados britânicos da Força de Assistência para a Segurança (Isaf) da Otan, que participavam de uma ofensiva contra os talibãs no sul do Afeganistão, morreram no sábado na explosão de uma bomba de fabricação caseira, anunciou a Isaf neste domingo.

"Dois soldados da Isaf morreram ontem (sábado) após a explosão de uma bomba de fabricação caseira no sul do Afeganistão", indicou a Isaf em um comunicado.

Os dois militares faziam parte de uma operação lançada no dia 23 de junho pelo exército britânico na província de Helmand, explicou à AFP o serviço de imprensa da Isaf.

Com estas baixas, chega a 173 o número de soldados britânicos mortos no Afeganistão desde o início da intervenção militar dos Estados Unidos em 2001.

br/ap

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.