Dois são internados em SP após voltarem do México com doença desconhecida

(Atualiza com novo caso e corrige nacionalidade do primeiro paciente) Rio de Janeiro, 26 abr (EFE).- Dois brasileiros que visitaram o México foram internados neste final de semana em um hospital da cidade de São Paulo com suspeitas de uma doença desconhecida, embora o Ministério da Saúde tenha esclarecido que os sintomas de ambos não são compatíveis com a gripe suína.

EFE |

Poucas horas depois de o Instituto de Infectologia Emílio Ribas ter informado sobre a internação de um mexicano com suspeitas de gripe suína, o Ministério esclareceu que são dois pacientes, ambos brasileiros e que seus sintomas não são os da mesma doença que provocou 22 mortes no México nos últimos dias.

Apesar de os médicos considerarem pouco provável que os dois estejam com gripe suína, as autoridades de saúde preferiram isolá-los em unidades de terapia intensiva como medida preventiva até que sejam diagnosticados.

"Os dois casos estão sendo investigados, mas não atendem à definição de casos suspeitos de gripe suína por não apresentar sinais e sintomas compatíveis com os da doença, como febre superior a 39°C, tosse e dor de cabeça", diz uma nota oficial do Ministério da Saúde.

O primeiro dos pacientes foi internado no Instituto de Infectologia Emílio Ribas ontem e o segundo, na tarde deste domingo.

O médico Edmílson Calore, chefe do plantão do hospital, tinha informado sobre o primeiro dos dois pacientes que, apesar de estar clinicamente bem, foi isolado provisoriamente enquanto se descarta a possibilidade de que esteja contaminado pelo vírus da gripe suína.

Os sintomas da gripe suína são febre superior a 39°C e de maneira repentina, tosse, dor de cabeça intensa, dores musculares e de articulações, irritação dos olhos e coriza. EFE cm/bba

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG