Dois são hospitalizados após ataque neonazista na Alemanha

Berlim, 15 fev (EFE).- Duas pessoas foram hospitalizadas com ferimentos graves e outras três sofreram lesões leves no sábado à noite após um grupo de sindicalistas ter sido atacado por neonazistas em uma estrada alemã no estado da Turíngia, no leste do país.

EFE |

A Polícia informou hoje que o ataque aconteceu quando os 40 ocupantes de um ônibus fretado pela Confederação Alemã de Sindicatos (DGB) faziam uma pausa na viagem de retorno de uma manifestação antifascista realizada no sábado em Dresden.

Um grupo de ultradireitistas e neonazistas que estava na mesma área insultou e agrediu os sindicalistas, e fugiu em outro ônibus, pouco antes da chegada da Polícia.

Apesar de tudo, os agentes conseguiram parar o ônibus dos neonazistas pouco depois e identificar os 40 ocupantes, que deverão responder à Justiça, após a denúncia apresentada pelos sindicatos.

Os ultradireitistas voltavam também de Dresden, onde tinham participado de uma manifestação de caráter neonazista para lembrar as vítimas do bombardeio aliado de fevereiro de 1945 que arrasou a capital da Saxônia. EFE jcb/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG