Dois mortos no Líbano em confronto entre grupos políticos rivais

Dois militantes ligados à maioria anti-síria morreram em uma troca de tiros entre grupos políticos rivais neste domingo em Zahlé, no leste do Líbano, informou um alto funcionário dos serviços de segurança.

AFP |

Salim Assi e Nasri al-Mourani, ligados às falanges cristãs que fazem parte da maioria governista, foram mortos a tiros enquanto participavam da inauguração de um centro local das falanges na região de Zhalé, informou a fonte que solicitou o anonimato.

Os confrontos envolveram militantes das falanges e um ou vários partidários do deputado de Zahlé, Elie Skaff, aliado do líder cristão da oposição, Michel Aoun (Corrente Patriótica).

Outras três pessoas ficaram feridas, informou a mesma fonte.

O Líbano atravessa sua pior crise política desde o final da guerra civil, em 1990, devido às profundas desavenças relacionadas à divisão de poder entre a maioria apoiada pelo Ocidente e a oposição ligada a Damasco e Teerã.

lr-gk/dm

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG