Dois monges tibetanos se entregam um mês após participar de protestos

Pequim, 17 abr (EFE).- Dois monges tibetanos que participaram de protestos na província noroeste chinesa de Gansu, em 18 de março, se entregaram à Polícia, anunciaram hoje as autoridades citadas pela agência estatal Xinhua.

EFE |

Os detidos, Garzang Samdain, de 37 anos, e Garzang Samzhou, de 28, "junto com outros 200 monges, atacaram delegacias locais, escritórios do Governo e escolas", segundo a informação oficial.

Ambos são do mosteiro de Goinba, na comarca de Zhonyin, e, segundo a nota, decidiram participar do protesto "influenciados pelos distúrbios de Lhasa de 14 de março" com gritos a favor da independência do Tibete e do Governo no exílio, liderado pelo dalai lama.

A "Xinhua" detalha os prejuízos dos protestos, nos quais foram incendiados automóveis e destruídas portas, janelas e aparelhos do interior dos edifícios.

A imprensa oficial também divulgou o recente descobrimento de pistolas, explosivos, balas e receptores via satélite em 11 mosteiros da mesma província de Gansu, onde mora uma grande população de tibetanos.

Segundo a "Xinhua", mais de 2.200 pessoas na província se entregaram à Polícia após participar de atos violentos, dos quais 1.870 foram libertados, e pelo menos 100 monges continuam em centros de detenção.

A China acusa a "quadrilha do dalai lama" de ter orquestrado os protestos que começaram em março em Lhasa e mais tarde se estenderam a outras áreas tibetanas do país, nas quais, segundo números de Pequim, pelo menos 20 pessoas morreram (em sua maioria chineses no planalto do Tibete).

O dalai lama, no entanto, nega essa responsabilidade, e afirma que condena o uso da violência e apóia a realização dos Jogos Olímpicos em Pequim.

Já os grupos tibetanos no exílio afirmam que mais de 140 pessoas foram mortas pelas forças de segurança na repressão posterior aos protestos, e exigem pressão contra os Jogos Olímpicos de Pequim. EFE abc/ev/fb

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG