Dois mineiros ficam presos em mina no norte do Chile

Acidente ocorreu próximo à mina de San José, onde 33 mineiros passaram mais de dois meses a 700 metros de profundidade

iG São Paulo |

Dois mineiros ficaram presos debaixo da terra no deserto chileno, próximo ao local onde outros 33 trabalhadores de mina foram resgatados após mais de dois meses soterrados.

A superintendente da região do Atacama, Ximena Matas, os trabalhadores ficaram presos em um provável acidente envolvendo explosivos em uma mina muito pequena, a cerca de 50 quilômetros a leste da cidade de Copiapó.

Ela acrescentou ainda que "uma pessoa escapou e está no hospital prestando depoimento". A superintendente não confirmou, no entanto, informações de uma rádio local de que um mineiro teria morrido no acidente.

Mina San José

Em setembro, 33 mineiros que passaram mais de dois meses soterradosa cerca de 700 metros de profundidade em uma mina no deserto do Atacama. A operação bem sucedida teve repercussão mundial.

*Com Reuters

    Leia tudo sobre: chilemineirosacidentemina

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG