Dois militares americanos morrem em ataque no norte do Iraque

Bagdá, 26 nov (EFE).- Dois militares americanos morreram nesta terça-feira em um ataque com armas leves enquanto participavam de uma operação de ajuda humanitária nas cercanias da localidade de Biaj, no norte do Iraque, informou o comando militar dos Estados Unidos.

EFE |

Segundo um comunicado divulgado em Bagdá, um membro dos marines e um assessor militar americano que trabalhava com o Exército iraquiano perderam a vida em uma emboscada armada em Biaj, localidade situada a cerca de 120 quilômetros da cidade de Mossul e próxima à fronteira com a Síria.

No ataque, aparentemente perpetrado por dois homens vestidos com o uniforme do Exército iraquiano, também ficaram feridos três civis e outros dois militares, acrescenta a nota de imprensa.

"Parece que o ataque não foi provocado", disse o porta-voz das forças americanas no Iraque, Bill Buckner, que explicou que ainda não se sabe se os autores do ataque eram soldados iraquianos ou insurgentes disfarçados.

Segundo números fornecidos pelo Pentágono, mais de 4.200 soldados americanos morreram no Iraque desde que em março de 2003 o Exército dos Estados Unidos liderou a invasão e posterior ocupação do país.

EFE ah/mh

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG