Dois jovens morrem em tumulto para ver o papa em Luanda

Luanda, 21 mar (EFE).- Dois jovens morreram e outros 50 ficaram feridos em um tumulto registrado hoje na entrada do estádio Dois Coqueiros, em Luanda, onde o papa Bento XVI celebrou um encontro com dezenas de milhares de jovens.

EFE |

Segundo disse à agência Efe uma médica plantonista do Hospital Josina Machel, que não se quis identificar, um rapaz e uma moça, de idade entre 16 e 17 anos, chegaram ao hospital mortos, após um tumulto nas portas do estádio quando tentavam entrar no local.

A médica explicou que outros 40 jovens ficaram feridos na confusão tinham sido atendidos e receberam alta, e que outros dez tiveram de ser internados.

Um porta-voz da Polícia assinalou à Efe que investiga o fato e não ofereceu outros detalhes. O policial disse que "uma nota oficial sobre o incidente será divulgada nas próximas horas".

O encontro com os jovens aconteceu no segundo dia do papa em Luanda, onde desde ontem milhares de pessoas percorreram o centro da cidade cantando, dançando e rezando, à espera do momento de ficar frente a frente com o pontífice, de 81 anos. EFE ms/mh

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG