Dois brasileiros são detidos na Flórida acusados de estupro em navio

A prisão ocorreu depois que uma hóspede de 15 anos apresentou uma denúncia de agressão sexual às autoridades durante o cruzeiro

iG São Paulo |

Dois brasileiros foram detidos na Flórida, nos Estados Unidos, ao desembarcar de um cruzeiro da companhia Royal Caribbean, após uma garota de 15 anos tê-los acusado de estupro.

Leia também:
- Brasileiro é preso no Paquistão

- Traficante brasileiro é detido na fronteira com o Paraguai

O Itamaraty confirmou a prisão e disse que o Consulado do Brasil em Miami foi acionado e deu início ao acompanhamento do caso.

Os dois rapazes realizavam o cruzeiro no navio Allure of the Seas que partiu do Porto Everglades, na Flórida, do domingo, 25 de dezembro, e voltou na terça-feira, no dia 3 de janeiro.

A prisão ocorreu depois que a hóspede apresentou uma denúncia de assédio sexual. O incidente foi reportado às autoridades locais e ao FBI, que, no mesmo dia, conduziram uma série de investigações a bordo, segundo informou um comunicado oficial da Royal Caribbean.

De acordo com o site do tabloide britânico Daily Mail, um dos acusados é menor de idade e o outro tem 20 anos. A menina teria ido à cabine de um deles ao ser convidada para uma festa, quando o incidente ocorrera. Segundo o mesmo site, os dois foram detidos quando o navio retornou ao porto Everglades, na Flórida, na terça-feira.

O jovem de 20 anos, segundo o tabloide britânico, estaria detido sob uma fiança de US$ 10 mil, enquanto o outro teria sido encaminhado para um centro de menores infratores.

O Itamaraty acrescentou que o consulado brasileiro em Miami foi acionado para acompanhar as condições em que os dois se encontram e garantir que terão defesa no caso de um julgamento.

    Leia tudo sobre: estupronavioallure of the seasroyal caribbeanflóridaeuabrasileirobrasilitamaraty

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG